Leste Europeu: Budapeste - Hungria - Menu Criativo

9 de junho de 2016

Leste Europeu: Budapeste - Hungria

Se precisarem de alguma outra informação, é só deixar comentário que respondo, ok!?

Para ler o post sobre Cracóvia - Polônia, CLIQUE AQUI
Para ler o post sobre Praga - República Tcheca, CLIQUE AQUI
Para ler o post sobre Viena - Áustria, CLIQUE AQUI

Saindo de Viena, fomos ao nosso último destino: Budapeste, na Hungria. 
Fomos novamente pela empresa OBB compramos os bilhetes pela internet e mais uma vez tudo correu muito bem!

Hotel

Ficamos em um Hostel excelente chamado Maverick City Lodge (eles têm quartos privativos também, foi no qual ficamos) e ficava no centro da cidade, na área boêmia e cheia de barzinhos e bons restaurantes!

Cidade

Budapeste é dividida em 2 regiões - Buda, do lado direito do margem do Danúbio e Peste, o lado maior e mais agitado.


Se você quer saber tudo sobre pontos turísticos e um roteiro incrível, indico ler este artigo AQUI 

Gastronomia

Gulyás, ou goulash, é o prato tradicional de Budapeste.

Comidas de Rua

E olha só o que eu achei nas ruas de Budapeste! Meu amado pão doce enroladinho e assado com açúcar e canela. Muito parecido com o inesquecível Trdelník de Praga. Só achei ele um pouco mais pesado que o de Praga, mas ainda sim, muito gostoso!

 

Ainda pelas ruas de Budapeste (mais precisamente em Buda) provamos o famoso Lángos. Gente, o que é isso?? Como ninguém inventou isso antes? Eu comeria lángos todos os dias rsrsrs.
Bom, pelo que entendi, é um tipo de massa parecida com a massa de bolinho de chuva sem açúcar. Então ela pega com uma concha e frita em formato de disco grande.
Depois de frita, cobre com sour cream e queijo ralado e pronto! Ainda existem variações com outras coberturas, como sour cream e geléia, nutella, etc.

Gettó Gulyás

Encontramos este restaurante bem perto do nosso hotel e era muito comentado no Trip Advisor. Resolvemos jantar por lá e nossa experiência foi OK. O pessoal do Gettó Gulyás é muito educado e dispostos a explicar os pratos.
Pedimos os 2 pratos super típicos da Hungria: 

Chicken Paprika, que é um peito de frango ensopado com molho de páprica, servido com um tipo de massa, parecida com o spätzle alemão. 
O molho era ótimo, mas a massa e o frango estavam bem insossos.


Pedimos também o Beef Stew in Red Wine, que era um ensopado de carne de boi, cozido em vinho tinto e páprica, servido com cevada cozida. Este prato estava delicioso!

 

De sobremesa pedimos um bolo com calda de chocolate quente que estava simplesmente divino!


Nossa outra sobremesa foi algo bem diferente, mas estava fantástico! São bolinhas de queijo cottage, empanadas e fritas. Depois são cobertas com uma mistura de creme de leite, um pouco de açúcar e muita canela. Foi de comer rezando!


Média de Preços: R$ 110,00 todos os pratos + 1 limonada e 1 cerveja.

Kazimir

Este foi outro restaurante bem do lado do nosso hotel que nos surpreendeu! O Kazimir tem uma atmosfera um pouco mais boêmia, atendimento bom e comida excelente!
Exageramos no pedido, pois estávamos o dia todo andando e não sabíamos que os pratos eram tão bem servidos! rsrs

De entrada pedimos 2 sopas. A minha era o tradicional goulash e o marido foi de sopa de feijão branco com linguiça e sour cream. Ambas estavam deliciosas e a quantidade era imensa! Cerca de 800ml de sopa para cada um. Ali nossa refeição já estava suficiente! rsrsrs

 

Mas lógico que os exagerados ainda pediram prato principal! Eu escolhi Nasi Goreng um arroz frito com frango. Achei ok, esperava um pouco mais em termos de sabor, mas estava muito bom mesmo assim.


O marido foi de Hungarian pork paprika, que era um ensopado de carne de porco molho de páprica e sour cream, servido com o tradicional macarrão. Estava delicioso, picante na medida certa e muito saboroso.


Depois do exagero, não tínhamos como comer sobremesa! rsrs
Preço: R$ 92,00 todos os pratos + 1 limonada e 1 cerveja.

Fat Mama Eatery 

Nossa última noite em Budapeste acabamos jantando no restaurante que ficava encostado em nosso hostel. O Fat Mama Eatery tem um estilo bem despojado, e sempre tem grupos do Hostel batendo papo e bebendo por lá. 
Foi uma excelente escolha, pois eu pedi meu último goulash da Hungria (como sempre, muito bem servido) e marido se esbaldou com um hambúrguer feito com primor. 

 

Preço: R$ 78,00 os 2 pratos + 1 limonada e 1 cerveja.

Limonadas

Eu não poderia deixar de fazer um especial sobre essas deliciosas, perfeitas e divinas Homemade Lemonade que encontramos em todos os restaurantes de Budapeste.
Gente, o que são essas limonadas? Sério! Eu já tenho uma queda por limonadas, amo-as de paixão, mas os Húngaros levaram essa bebida a outro nível! Não sei explicar o que eles fazem, mas são perfeitas.
Feitas normalmente com 3 tipos de limões diferentes (siciliano, tahiti e cravo) e com água com gás. São doces na medida, ácidas na medida... São perfeitas! Só provando para saber. 


E não importa para qual destino você escolha ir, reserve seu voo e hotéis por aqui:
Além de garantir um desconto bacana, você ainda ajuda o blog!

Um comentário :

  1. Ana, li todos os outros posts e vou comentar nesse.
    Nossa, cada lugar lindo e cada comida boa!
    Queria ter essa disciplina pra falar de viagem, estou com meu post começado sobre Minas e ainda não terminei...risos...
    Budapeste é um dos lugares que sonho em conhecer e vendo suas fotos achei mais bonito ainda!
    Adorei.
    Beijão

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...